21 de maio de 2010

Sinônimos em TEORIAS?

O materialismo, diz ele, vê os homens como determinados pelas circunstâncias (econômicas, sociais, naturais) enquanto o idealismo vê os homens como determinados pelas idéias (pensamentos, vontades, desejos, em suma, o ímpeto ativo do ser humano). Os materialistas afirmam que os homens mudam porque novas circunstâncias fazem-nos mudar, enquanto que os idealistas afirmam que os homens mudam porque a educação de novas idéias e novos desejos fazem-nos mudar. A crítica de Marx é que o materialismo "esquece que as circunstâncias são transformadas precisamente pelos seres humanos", enquanto o idealismo "esquece que o educador tem ele próprio de ser educado". Então, necessariamente, para mudar os homens, o idealista educador quer introduzir suas idéias de cima, assim como o materialista quer alterar as circunstâncias de cima. Desse modo, tanto o materialismo quanto o idealismo reproduzem a estrutura da sociedade de classes (a exploração do homem pelo homem). Neste ponto, Marx introduz o seu conceito de práxis revolucionária: "a coincidência da transformação das circunstâncias com a atividade humana". A práxis revolucionária é a atividade de transformação das circunstâncias, as quais nos determinam a formar idéias, desejos, vontades, teorias, que, por sua vez, simultaneamente, nos determinam a formar novas circunstâncias e assim por diante. (Fonte: Wikipédia)

(...)

O que acontece quando colocamos duas percepções (diferentes) de teorias em efetivação numa determinada sociedade? Qual o resultado do pensamento voltado para o mesmo objeto, mas que tem segmentos diferentes na prática? Posso estar montando um texto complexo neste momento, querendo afirmar fatos que vão além do pesamento sobre o materialismo e o idealismo, sinceramente essa não está sendo minha real intenção. (mas tem um leve toque de egoísmo no entendimento desta criação)

Sinônimos porque? porque eu quis adjetivar a junção de Materialismo e Idealismo dessa forma, mesmo que ambos não possuam significado idêntico ou muita semelhança... Formam a verdadeira Práxis social da contemporaneidade; o que vivemos, não é nada além de um mero circo de precipitadas conclusões, de falsas intenções, devaneios e formulações de ideologias. É incrível como em certos momentos nos damos por enxergar que existem muitos fatos que parecem ser tão diferentes uns dos outros, assim como tantas pessoas, umas tão diferentes das outras em situações que parecem ser moldadas ao que havera de convir. Estou com um pouco de sono, nunca fui disso mas terei de finalizar esse texto com outro título amanhã " Teoria dos opostos iguais".

"Todas as teorias são legítimas e nenhuma tem importância. O que importa é o que se faz com elas."
(Jorge Luis Borges)


Talita Oliveira


Nenhum comentário:

Postar um comentário